RZR

29

Jul

POLARIS CUP FAZ POEIRA SUBIR EM INDAIATUBA

O último sábado (29/07), teve céu azul, muito calor e poeira em Indaiatuba, interior de São Paulo. A segunda etapa da Polaris Cup teve recorde de quilometragem (26km de circuito) e 30 inscritos. Sete, vieram de Goiás prestigiar o campeonato pela primeira vez e 5 deles já levaram troféus para casa.

Na categoria RZR XP 1000, Dalger Junqueira Junior ficou no alto do pódio. Em terceiro e quarto, ficaram os conterrâneos Reginaldo Luiz Figueiredo e Luis Esteves Figueiredo. Na categoria 900, Goiás também levou a melhor com Leonardo Brito em primeiro lugar e Cezar Arthuri Junior em terceiro. As famílias foram ao delírio e já esperam ansiosas a terceira etapa.

O clima de companheirismo que marca a Polaris Cup faz com que cada etapa seja pura diversão para quem participa e também uma chance para os pilotos passarem um dia diferente com suas famílias. “É uma prova focada para trazer gente nova para começar a competir, fomentar o esporte do UTV no Brasil, mas mais do que tudo é uma reunião familiar. O ambiente é muito mais familiar que competitivo”, explica o gerente de produtos e piloto Polaris Nuno Fojo.

“A maioria das provas que participo são de longa duração”, comenta o piloto Polaris campeão do Dakar 2017 Leandro Torres. “A Polaris Cup é uma oportunidade de juntar a família em torno do meu trabalho, do que mais gosto de fazer. Hoje, quem está correndo é meu filho mais velho, mas o mais novo já deu sinais que quer começar também”, conta. Thiago Torres, participou na categoria RZR XP Turbo e ficou em quarto lugar.

O CAMPEONATO

A Polaris Cup é um campeonato voltado exclusivamente para proprietários de UTVs Polaris que buscam mais uma opção para utilizar e se divertir com seus RZRs. Atualmente, é o maior campeonato privado da categoria UTV no Brasil. Com diversas categorias para diferentes níveis de competição, a Polaris Cup é um evento voltado tanto para principiantes quanto para os experientes pilotos de rallies. Possui três categorias separadas por tipos de motorização: RZR 900, RZR XP 1000 e RZR XP Turbo.

Cada etapa da Polaris Cup possui um circuito específico, variando de 20 a 25 km de trajeto. São 4 baterias, sendo 3 com pontuações independentes e a bateria com pior tempo é descartada. As regras são baseadas no Campeonato Brasileiro de Baja, inclusive o formato, por tomada de tempo, trechos cronometrados e fiscalizados pela CBM.